O projeto da União Europeia PROCULTURA PALOP-TL| Promoção do Emprego nas Atividades Geradoras de Rendimento no Setor Cultural nos PALOP e Timor-Leste, atento ao contexto particularmente frágil do setor cultural e dos artistas nestes países, adaptou as atividades para também contribuir para a mitigação dos impactos económicos e sociais da pandemia:

  • Divulgação no dia 4 de maio das primeiras candidaturas do DIVERSIDADE selecionadas em Angola, instrumento de subvenções para pequenos projetos que contribuam para o emprego e diversidade cultural, aberto aos setores público e privado, nos PALOP e Timor-Leste. Em Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste o prazo de candidatura para este fundo será prolongado até 30 de Abril. Os operadores culturais dos PALOP e Timor-Leste vão ter à sua disponibilidade fundos que podem apoiar na resposta às consequências económicas e sociais, dificuldades ou eventuais oportunidades criadas pelas medidas de emergência de saúde pública nas suas áreas de atividade. As candidaturas selecionadas, em Angola, serão publicadas em: http://www.alliancefrluanda.com/pt/actividades-culturais/diversidade
  • Continuam abertas as inscrições para os cursos intensivos sobre Empreendedorismo Cultural e Fontes de Financiamento em São Tomé e Príncipe e Timor-Leste, para profissionais da economia criativa e cultural. O curso poderá realizar-se online ou, caso sejam levantadas as medidas globais de limitação da circulação de pessoas, os cursos serão retomados presencialmente nos países. Candidaturas podem ser enviadas para a equipa do projeto em São Tomé e Príncipe (stp@camoes.mne.pt) e Timor-Leste (procultura.tl@camoes.mne.pt).
  • Abertura das inscrições para o curso de Pedagogia e Didática da Literatura Infantojuvenil em Moçambique, para educadores, professores e profissionais das escolas de formação inicial de professores. Logo que sejam levantadas as medidas globais de limitação da circulação de pessoas, a data do curso em Moçambique será anunciada. Candidaturas poderão ser enviadas para a equipa do projeto em Moçambique (mz@camoes.mne.pt).

Tudo o que acontece no projeto PROCULTURA e no programa da União Europeia PALOP-TL disponível também aqui: https://paloptl.eu/projects/procultura/

Toda a equipa do projeto encontra-se contactável para mais informação ou esclarecimento de dúvidas através dos seguintes endereços de e-mail:

Angola

Dalila Salvador (dalila.salvador@camoes.mne.pt; procultura.ao@camoes.mne.pt)

Cabo Verde

Guilherme Bragança (guilherme.braganca@camoes.mne.pt; procultura.cv@camoes.mne.pt)

Guiné-Bissau

Cláudia Rocha (claudia.rocha@camoes.mne.pt; procultura.gb@camoes.mne.pt)

Moçambique

Helena Costa (helena.scosta@camoes.mne.pt)

Diana Manhiça (diana.manhica@camoes.mne.pt; procultura.mz@camoes.mne.pt)

São Tomé e Príncipe

Ana Ferreira (ana.sanogueira@camoes.mne.pt; procultura.stp@camoes.mne.pt)

Timor-Leste

Filipa Soares (mfilipa.soares@camoes.mne.pt; procultura.tl@camoes.mne.pt)

Europa

Mercedes Pinto (mercedes.pinto@camoes.mne.pt; procultura@camoes.mne.pt)

PROCULTURA PALOP-TL é um projeto financiado pela União Europeia, cofinanciado e gerido pelo Camões, I.P. e cofinanciado pela Fundação Calouste Gulbenkian. Tem por objetivo principal contribuir para a criação de emprego nos setores culturais nos PALOP e Timor-Leste através do reforço de competências dos recursos humanos e da atribuição de subvenções para o desenvolvimento destes setores, nos seis países, especialmente nos subsetores da música, das artes cénicas e da literatura infantojuvenil.

  • Partilhe